segunda-feira, julho 04, 2005

Putz, tem cada coisa maluca que acontece nesse mundo que, contando, até Deus duvida. Veja só o caso abaixo (link original: Astróloga processa Nasa):

Astróloga pede milhões de indenização à Nasa por bombardeio de cometa

Agências Internacionais

MOSCOU - Uma astróloga russa vai pedir na Justiça milhões de dólares de indenização à Nasa pelo choque proposital de uma sonda da missão Deep Impacto com o cometa Tempel 1. Marina Bai sustenta que o impacto "menospreza valores morais, atenta contra o estado natural do Cosmos e destrói o equilíbrio das forças do Universo".

"É óbvio que elementos da órbita do cometa, e correspondentemente suas efemérides, mudarão após a explosão, o que interfere no meu trabalho de astrologia e distorce meu horóscopo", afirmou Marina Bai segundo jornal russo "Izvestia".

Bai já vinha tentando abrir um processo contra a Nasa, a agência espacial dos EUA, desde que soube da missão Deep Impact. Ela pedia indenização de US$ 300 milhões. Nesta segunda-feira, depois de confirmado o sucesso da empreitada, que pode revelar segredos sobre os primórdios do Sistema Solar, ela disse, através do advogado, que vai aumentar o valor da demanda.

Alexei Mólojov, o advogado da astróloga, disse a repórteres que o tribunal do distrito de Presnenski, em Moscou, propôs-se a avaliar a denúncia até 28 de julho, para decidir se haverá ou não um processo.

- Minha cliente e eu elevamos o montante das compensações que reclamamos em função das conseqüências que o bombardeio do cometa venha a ter - disse Molovov.

Inicialmente, o tribunal se recusou a encaminhar o processo, dizendo que estava fora de sua jurisdição, porque a Nasa é uma entidade estrangeira. O advogado recorreu, argumentando que a agência tem um escritório em Moscou.

A Nasa em Moscou não comentou o assunto.

Mais links relativos ao assunto da sonda que se chocou contra o cometa, podem ser vistos nos diversos jornais do dia de hoje. Segue abaixo alguns links do Globo.com:
Tiro certeiro no núcleo do cometa
Show no céu! Veja as imagens do choque
Vídeo: as imagens da aproximação
Na animação da Nasa, a simulação do impacto

2 comentários:

Misao disse...

Se ela ganhar juro que arranjo alguma coisa pra pedir dinheiro pra Nasa também!

STROM disse...

Eita! Vou entrar nessa também! =D